Pular para o conteúdo principal

“...O companheiro de tolos será afligido.” Provérbios 13.20b



"Anda com os sábios e serás sábio, mas o companheiro dos tolos será afligido." Provérbios 13.20

Escolha suas amizades!

Com que tipo de pessoas você costuma se relacionar? São pessoas que sabem qual o propósito (Missão) das próprias vidas, ou são pessoas que vagueiam pela vida sem propósito algum? São pessoas que têm valores elevados como os seus ou são pessoas que nem valores possuem? São pessoas cujas palavras são sempre edificantes, alegres e positivas ou são murmuradores profissionais? São pessoas que podem lhe acrescentar algo em termos de ensinamento, mentalidade e visão, ou mesmo são pessoas que precisam do seu ensinamento, mentalidade e visão; ou são pessoas que só querem alguém para carregá-los? Seus amigos íntimos são pessoas realizadas ou no caminho para suas realizações; ou são frustradas?

Pense por um instante e tire suas conclusões. Você pode estar se perguntando porque isso é importante; e eu lhe respondo com as palavras do livro de provérbios colocadas no título desta postagem: "Quem anda com sábios será sábio". É simples assim!

Muitos querem adquirir sabedoria, mas todo o seu círculo de relacionamento está repleto de tolos; e entenda tolo como aquela pessoa que não valoriza a sabedoria, pessoas que não buscam edificar a si mesmos. O cristão tem como obrigação buscar por aprender a sabedoria divina para aplicar em todas as áreas de sua vida, pois outras vidas, físicas e espirituais, dependem disso; com sabedoria o cristão pode ajudar outras pessoas naquilo que por ventura precisem, mas do contrário, como isso seria possível? Só para citar alguns exemplos; com sabedoria você pode ajudar seus irmãos, seus pais, seus filhos, seu marido ou esposa (namorado ou namorada, noivo ou noiva), seus amigos, colegas ou conhecidos e mesmo os desconhecido. Com sabedoria você poderá ajudá-los a realizar seus sonhos a descobrir seu propósito de vida e a desenvolver todas as capacidades que precisam para que a vida deles também seja capaz de ajudar outros. Porém, sem sabedoria nada disso é possível.

Com sabedoria é possível liderar com justiça ou ser liderado com humildade;
Com sabedoria é possível possuir uma mentalidade de excelência;
Com sabedoria está a vida com qualidade e abundância.

Este assunto também é muito extenso e esta postagem é apenas uma introdução do tema aqui no blog; tenho certeza que que vou abordá-lo novamente em outras ocasiões, mas por agora quero apenas chamar sua atenção para algumas coisas básicas:

Você considera que seus amigos mais íntimos são pessoas que lhe ajudam a chegar em seus objetivos ou estão tentando, consciente ou inconscientemente, lhe impedir de alcançá-los? Você considera que eles são pessoas realizadas ou frustradas? Não estou pedindo para julgá-los, por favor, não me entendam mal. Estou apenas pedindo para você verificar que tipo de influência eles podem ter sobre sua vida.
A diferença entre pessoas realizadas e pessoas frustradas é que as realizadas desejam que todos se realizem também, já as frustradas; consciente ou inconscientemente, desejam que ninguém consiga se realizar. Tenho certeza absoluta de que você conhece os dois tipos e talvez até tenha algum contato com ambos.
Sempre que você puder escolher suas amizades escolha pessoas realizadas ou em processo de realização, porque se você escolher as frustradas como amigos terá sua energia sugada por elas e sua confiança e sua fé constantemente colocada em dúvida; por consequência, terá de fazer muito mais esforço do que seria necessário.
Quando falo de pessoas realizadas, não estou falando de bens materiais ou de sucesso segundo o olhar humano; estou falando daquelas pessoas que possuem visão ampla das coisas e que compreendem as bases de uma vida espiritual cristã saudável. (Se é cristã, automaticamente é saudável).
Caso você deseje uma forma simples de descobrir se uma pessoa é frustrada ou não, tola ou não; eis aqui uma das principais características deles: Este tipo de pessoa passa muito tempo murmurando. A murmuração está constantemente nos lábios dos tolos.


Não importa se você tem o costume de edificar a si mesmo, aprendendo novos conceitos, desenvolvendo-se naquilo que precisa aprimorar, transformando suas fraquezas em força, planejando seu futuro, traçando metas claras para sua vida, alimentando seu coração com a fé, adquirindo fé pela palavra, plantando boas sementes e outras coisas valiosas como estas que todo cristão costuma fazer diariamente. Se seus amigos mais íntimos forem pessoas tolas você terá muitas dificuldades; como está escrito: "...mas o companheiro dos tolos será afligido." Provérbios 13.20b

Comentários

  1. Respostas
    1. Oi Laerte! Tudo Bem?
      Agradeço a Deus por poder falar com você.
      Obrigado por deixar o seu comentário.
      Fico contente em saber que você gostou do texto.
      Que a Presença de Deus produza serenidade e sabedoria na sua mente.
      Grande abraço.
      Felicidades pra ti.💖😊

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

“...Onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles.” Mateus 18.20

“...Onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles.” Mateus 18.20 Neste texto nós vamos conversar um pouco sobre os benefícios que uma congregação saudável produz na vida de todos aqueles que fazem parte dela; e tenha em mente que congregar significa justamente se reunir com outras pessoas em nome de Jesus, como relatado em Mateus 18.20. Em vários dos textos que tenho compartilhado aqui, procurei falar sobre como o espírito do mundo se infiltrou nas congregações através dos séculos para corromper os sentidos daqueles que as compõem e desvirtuá-los de seguir o verdadeiro caminho de Cristo Jesus, induzindo muitos a praticar todo tipo de estranhezas, distorções da Palavra, e até, a desistir de congregar. Por isso também foi escrito que: "E vindo o dia em que os filhos de Deus vieram apresentar-se perante o SENHOR, Veio também Satanás entre eles." Jó 1.6 Quais são os benefícios de uma congregação saudável? Na verdade a lista de

Pedis e não recebeis, porque pedis mal... Tiago 4.3

"Pedis e não recebeis, porque pedis mal, para o gastardes em vossos deleites." Tiago 4.3 Esta, sem dúvidas, é uma das frases mais conhecidas do livro de Tiago, mas durante algum tempo tive certa dificuldade de me aprofundar na grande lição contida nela. Será que você já conseguiu extrair deste versículo algo além daquilo que está na superfície? É o que tentaremos fazer agora. Creio que o hábito de pedir seja o mais intuitivo, natural e automático que possuímos, principalmente porque Jesus disse: "Pedi e dar-se-vos-a..." ; "o que pede recebe" e ainda, "tudo que pedirdes em meu nome eu o farei..." Somos ensinados e acostumados a pedir; há alguns até que se tornam viciados em fazê-lo, alguns tratam o Senhor absoluto do universo como se Ele fosse uma espécie de "gênio da bíblia", ou seja, na mentalidade destas pessoas Deus serve apenas para realizar seus desejos não importando o quão banais, vaidosos, egoístas, hedonista

A alegria do SENHOR é a vossa força. Neemias 8.10

"...Portanto não vos entristeçais; porque a alegria do Senhor é a vossa força." Neemias 8.10 No cristianismo há duas relações diretas que afetam grandemente a nossa vida caso tenhamos o devido conhecimento delas para usarmos da forma correta e a nosso favor. E que relações são estas? Como você já deve imaginar por causa do título deste texto estamos falando de alegria e força , assim como de tristeza e fraqueza, ou seja, alegria é igual a força e tristeza é igual a fraqueza; porém o foco de nossa conversa será completamente sobre as duas primeiras.  Cristãos conhecem profundamente isso e usam este entendimento a seu favor; o meu desejo ao escrever este texto é que você também possa fazer o mesmo de modo a fortalecer sua vida cada vez mais. Algumas pessoas podem ter certa dificuldade em entender a necessidade vital que os cristãos têm de se alegrar, de proteger e multiplicar a alegria; tais pessoas podem perguntar: Por que devo me alegrar se as c